Curiosidades

Uso do Pix cresce no último trimestre de 2021. Saiba mais

2 Minutos de Leitura

O Pix foi utilizado em cerca de 14% das transações que ocorreram sem dinheiro físico no país no 2° trimestre de 2021

O Banco Central informou na última segunda-feira (27), os dados atualizados a respeito das estatísticas de pagamentos do Pix para o segundo trimestre de 2021. Dessa forma, os dados atualizados mostraram um aumento no uso do sistema de pagamentos instantâneos de cerca de 11%.

Além disso, houve aumento no uso de cartões, totalizando 53% das transações que ocorreram sem dinheiro em espécie durante o segundo trimestre de 2021. O Pix, meio de pagamento desenvolvido pelo Banco Central, teve uma utilização de cerca de 14% das transações que ocorreram sem dinheiro físico no país no período.  

Uso do Pix cresce no último trimestre de 2021. Saiba mais

Celular como sinônimo de banco  

De acordo com o Banco Central, a utilização de dispositivos móveis para a realização de transações bancárias chegou a 70% no segundo trimestre. O valor representa um aumento de 32% na comparação com o trimestre anterior. Somados ao uso da internet (os acessos feitos por internet banking, por meio de computadores, por exemplo), esses canais foram responsáveis por quase 90% das transações bancárias no segundo trimestre de 2021.  

“Quando considerado apenas o pagamento de contas e transferências, três em cada quatro operações no segundo trimestre do ano foram realizadas por dispositivos móveis, um incremento de 184% em relação ao trimestre anterior”, disse o assessor sênior no Departamento de Competição e de Estrutura do Mercado Financeiro (Decem) do Banco Central, César Oliveira.

Estatísticas do Pix

Até o fim de outubro, segundo os dados mais recentes do BC, o Pix tinha 348,1 milhões de chaves cadastradas por 112,65 milhões de usuários.

Entretanto, desse montante, 105,24 milhões são pessoas físicas e 7,41, pessoas jurídicas. Dessa forma, vale lembrar que pessoa física pode cadastrar até cinco chaves e cada pessoa jurídica, até 20. Além disso, as chaves podem ser distribuídas em um ou mais bancos.

Dessa forma, em um ano de funcionamento, o volume de transações pelo sistema do BC deu um salto. Ainda em outubro, o sistema de pagamentos instantâneos movimentou R$ 502 bilhões, contra R$ 25,1 bilhões liquidados em novembro do ano passado.

De acordo com dados do BC, 75% das transações do sistema de pagamentos instantâneos ocorreram entre pessoas físicas, contra 87% no primeiro mês de funcionamento. Em suma, os pagamentos de pessoa física para empresa saltaram de 5% para 16% no mesmo período.


Siga o Programadores Brasil no Google Notícias e Receba Notícias de Tecnologia -> CLIQUE AQUI e Confira.


Mais Lidas da Semana

Conexão 5G e os sistemas da aviação nos EUA: FAA alerta sobre riscos de interferência. Veja

Diretor de negócios do YouTube anuncia encerramento da divisão de conteúdos originais da empresa. Saiba mais

CNN Brasil se prepara para ingressar no metaverso em 2022. Saiba mais

BMW iX: lançamento do carro inteligente da marca no Brasil ocorrerá durante live no metaverso. Entenda

Programa de pré-incubação de startups da Samsung tem inscrições abertas até quinta (20)

Startup britânica Bellwether faz primeiro teste de carro voador. Veja

Anatel atualiza lista de celulares 5G homologados. Veja

Metaverso e Web 3.0: especialistas avaliam como esses dois conceitos se relacionam. Confira

Em evento, ministro da Ciência fala sobre futuro da exploração espacial no Brasil. Veja

Entenda o que é a Web 3.0 e como ela vai mudar a internet como a conhecemos

Sobre o Autor(a)
Jornalista, sonhadora e apaixonada por contar história de pessoas para pessoas. Além de ser extremamente curiosa, meu entretenimento é adquirir conhecimento. Atualmente sou graduada em jornalismo com inglês avançado e muitos sonhos, além de atuar, em tempo integral, em um plano infalível de me aperfeiçoar e crescer cada vez mais :)

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *