Curiosidades

Boeing quer construir seu próximo avião no metaverso. Saiba mais

1 Minutos de Leitura
Boeing e Airbus pedem atraso na implantação de 5G nos EUA 31/03/2017 REUTERS/Randall Hill

Boeing quer unificar as amplas operações de design, produção e serviços aéreos em um ecossistema digital em dois anos

O metaverso está no futuro Boeing. Isso porque, a empresa anunciou que seus projetos para o futuro são baseados em engenharia 3D imersivos serão combinados com robôs que se comunicam, enquanto mecânicos ao redor do mundo serão conectados por headsets HoloLens de US$ 3.500 fabricados pela Microsoft.

Esse é um relance de uma nova estratégia ambiciosa da Boeing para unificar as amplas operações de design, produção e serviços aéreos em um único ecossistema digital, o metaverso, em apenas dois anos.

Boeing quer construir seu próximo avião no metaverso. Saiba mais
Boeing e Airbus pedem atraso na implantação de 5G nos EUA 31/03/2017 REUTERS/Randall Hill

Dificuldades e recuperação através do metaverso

A fabricante de aviões entrou em 2022 com o propósito de reafirmar seu domínio da engenharia após a crise que enfrentou nos últimos anos. “Trata-se de fortalecer a engenharia”, disse o engenheiro-chefe da Boeing, Greg Hyslop, sobre o projeto para o metaverso. “Estamos falando sobre mudar a forma como trabalhamos em toda a empresa.”

Vale lembrar que a Boeing recentemente contratou a engenheira veterana Linda Hapgood para supervisionar a “transformação digital”, que uma fonte do setor disse ter sido apoiada por mais de 100 engenheiros.

Expectativas Vs Realidade

A Boeing não é a única empresa que quer entrar no metaverso. A lista de companhias já está enorme. Em tese, estão todos ansiosos e apostando que o universo virtual é uma realidade próxima. Entretanto, para a Inter, o sistema computacional que temos atualmente está longe de suportar esta realidade, podendo tornar o tão esperado metaverso, uma realidade mais distante do que podemos imaginar.

“O universo virtual anunciado pela Meta pode ser a próxima grande plataforma de computação depois da world wide web e móvel”, afirma Raja Koduri , vice-presidente sênior e chefe do Grupo de Sistemas e Gráficos de Computação Acelerada da Intel. Mas Koduri rapidamente despeja água fria sobre a ideia de que o metaverso está ao virar da esquina: “nossa infraestrutura de computação, armazenamento e rede hoje simplesmente não é suficiente para possibilitar essa visão”.


Siga o Programadores Brasil no Google Notícias e Receba Notícias de Tecnologia -> CLIQUE AQUI e Confira.


Mais Lidas da Semana

Conexão 5G e os sistemas da aviação nos EUA: FAA alerta sobre riscos de interferência. Veja

Diretor de negócios do YouTube anuncia encerramento da divisão de conteúdos originais da empresa. Saiba mais

CNN Brasil se prepara para ingressar no metaverso em 2022. Saiba mais

BMW iX: lançamento do carro inteligente da marca no Brasil ocorrerá durante live no metaverso. Entenda

Programa de pré-incubação de startups da Samsung tem inscrições abertas até quinta (20)

Startup britânica Bellwether faz primeiro teste de carro voador. Veja

Anatel atualiza lista de celulares 5G homologados. Veja

Metaverso e Web 3.0: especialistas avaliam como esses dois conceitos se relacionam. Confira

Em evento, ministro da Ciência fala sobre futuro da exploração espacial no Brasil. Veja

Entenda o que é a Web 3.0 e como ela vai mudar a internet como a conhecemos

Sobre o Autor(a)
Jornalista, sonhadora e apaixonada por contar história de pessoas para pessoas. Além de ser extremamente curiosa, meu entretenimento é adquirir conhecimento. Atualmente sou graduada em jornalismo com inglês avançado e muitos sonhos, além de atuar, em tempo integral, em um plano infalível de me aperfeiçoar e crescer cada vez mais :)

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *