Veja quais foram as repercussões nas redes sociais após iFood ser hackeado na última terça, 2 - Programadores Brasil
Segurança Digital

Veja quais foram as repercussões nas redes sociais após iFood ser hackeado na última terça, 2

3 Minutos de Leitura
Foto: Reprodução/Facebook

O ataque ao iFood na última terça-feira, 2, tem gerado repercussões nas redes sociais. Internautas questionaram a segurança da plataforma e se posicionaram contra o ocorrido.

Acontece, que conforme o próprio iFood confirmou por meio de uma nota, o caso não se trata, exatamente, de um ataque hacker. Um funcionário de uma empresa terceirizada de atendimento, com acesso à plataforma, foi o responsável pela ação.

A empresa garantiu, ainda, que não houve vazamento de dados.

Ataque ao iFood vira pauta de discussão política nas redes sociais

A questão política também entrou em pauta. Isso porque, na ação, nomes de restaurantes cadastrados na plataforma foram alterados por mensagens de cunho político, como “Lula Ladrão 16” e “Petista Comunista 38”.

A deputada federal Jandira Feghali usou sua conta no Twitter para se posicionar contra o ataque ao iFood e defendeu que isso é fruto de uma ação coordenada por apoiadores do atual governo: “é o ódio e a imoralidade bolsonaristas”, disse.

“O que o bolsonarismo fez ao invadir o iFood e postar mensagens de ódio tem nome: TERRORISMO”, disse a jornalista independente Cynara Menezes.

Muitos internautas ainda relembraram que recentemente o iFood retirou o patrocínio do apresentador Monark, do Flow Podcast, por publicações consideradas racistas.

Na ocasião, o iFood disse que acredita não ser mais possível ser parte de uma sociedade desigual. “Por isso repudiamos qualquer tipo de preconceito ou ato de discriminação. A empresa assumiu compromisso público de ser protagonista na promoção de mudanças urgentes que favoreçam a diversidade e a inclusão”, informou ao encerrar a parceria.

Algumas pessoas acreditam que o ocorrido da noite da última terça-feira possa ser algum tipo de retaliação de apoiadores bolsonaristas, após o cancelamento do patrocínio de Monark.

Veja também: [+] Cupom de U$100 para criar seu Servidor na Digital Ocean

Internautas fazem piadas sobre ataque ao iFood

Claro que o assunto ainda rendeu piadas entre os usuários:

O humorista Rafinha Bastos também comentou o caso:

Empresa se pronunciou sobre o ocorrido

Em meio à repercussão do caso, o iFood usou sua conta no Twitter para explicar o problema. A foodtech tranquilizou os usuários, informando que seus dados permaneciam seguros e disse que já trabalhava na resolução do caso.

Veja na íntegra a nota publicada pelo iFood:

Na noite de hoje, 2 de novembro, identificamos que alguns estabelecimentos cadastrados na plataforma tiveram seus nomes alterados.

Essa situação ocorreu com aproximadamente 6% dos estabelecimentos na plataforma.

Tomamos as medidas imediatas e necessárias para sanar o problema e proteger os dados de restaurantes, consumidores e entregadores.

Não encontramos qualquer indício de vazamento da base de dados pessoais cadastrados na plataforma, tampouco de dados de cartão de crédito.

O incidente foi causado por meio da conta de um funcionário de uma empresa prestadora de serviço de atendimento que tinha permissão para ajustar informações cadastrais dos restaurantes na plataforma, e que o fez de forma indevida.

O acesso da prestadora de serviço foi imediatamente interrompido, e os nomes dos restaurantes já estão sendo restabelecidos.

É importante destacar que os meios de pagamento dos clientes estão seguros.

Os dados de meios de pagamento não são armazenados nos bancos de dados do iFood, ficando gravados apenas nos dispositivos dos próprios usuários, não tendo havido comprometimento de dados de cartões de crédito.

Também não há qualquer indício de vazamento da base de dados pessoais de clientes ou entregadores cadastrados na plataforma.

Nota publicada pelo iFood

Siga o Programadores Brasil no Google Notícias e Receba Notícias de Tecnologia -> CLIQUE AQUI e Confira.


Sobre o Autor(a)
Letícia de Jesus, 20 e poucos anos. Jornalista e redatora web. Além da redação de conteúdos, flerto com o universo do Marketing Digital e Social Media.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *