Redes sociais do grupo Facebook ​voltaram a funcionar após sete horas de instabilidade. Confira tudo o que rolou na última segunda, 4 - Programadores Brasil
Redes Sociais

Redes sociais do grupo Facebook ​voltaram a funcionar após sete horas de instabilidade. Confira tudo o que rolou na última segunda, 4

3 Mins read

Na última segunda-feira, 4, as redes sociais do grupo Facebook ficaram sete horas fora do ar, em vários países. Esta foi uma das falhas mais prolongadas da história das plataformas.

Por volta das 19h30, o Facebook, grupo detentor das três redes, postou uma mensagem informando a retomada dos serviços. Além disso, a empresa pediu desculpas por conta da instabilidade ao longo da tarde.

“Para todos que foram afetados pela interrupção das nossas plataformas hoje: sentimos muito. Sabemos que bilhões de pessoas e negócios em todo o mundo dependem de nossos produtos e serviços para permanecerem conectados. Agradecemos sua paciência”, comunicou a empresa.

O Instagram e o Facebook foram os primeiros a retomar as atividades, por volta das 19h20, mas ainda apresentando bugs. Já o WhatsApp permaneceu fora do ar até as 20h. Mas, somente depois das 21h os relatos de falhas começaram a diminuir.

Veja também: [+] Os melhores Smartphones com super desconto na Amazon. Clique e confira.

Social Media
Usuários e empresas sentiram impactos da instabilidade nas redes pertencentes ao grupo Facebook

Diretor de tecnologia do Facebook comentou o caso no Twitter

O diretor de tecnologia do Facebook, Mike Schroepfer, usou sua conta no Twitter para falar sobre a instabilidade nas redes sociais. Schroepfer disse que um problema na rede ocasionou a falha de acesso, mas não entrou em detalhes sobre a causa do problema.

De acordo com especialistas, o motivo pode ter sido um erro de DNS. Isso porque ao tentar acessar a página de uma das três redes, os usuários se deparavam com a seguinte mensagem: “DNS_PROBE_FINISHED_NXDOMAIN”.

Como funciona o DNS?

O DNS funciona como uma espécie de agenda de contatos da internet. Ou seja, é ele que registra os números (endereços de IP) associados aos nomes de domínio.

Na prática, a internet só funciona com números. Dessa forma é o DNS que permite a realização de chamadas de “resoluções de domínio” para que qualquer pessoa possa saber o número de IP do site que pretende acessar.

Quando ocorre uma falha, não é possível acessar a página, porque não há meio para encontrar o caminho certo para se chegar até ela.

“Os endereços de IP da empresa Facebook responsáveis pelo serviço de internet se tornaram inalcançáveis. Se a gente fosse fazer uma analogia com a telefonia, é como se você fosse telefonar para o número do Facebook e desse que esse número não foi encontrado”, explicou Thiago Ayub, da Sage Networks, ao G1.

Instabilidade nas redes sociais do grupo Facebook pode ir além de erro no DNS

O especialista ainda destacou que: “a camada que nós usuários enxergamos é essa mensagem de erro de DNS. Mas, isso não significa que o erro esteja nele. Significa que atrás dele, o acesso do Facebook à internet – a conexão dele com o mundo – está interrompido.”

Algumas pessoas que tentaram acessar o site das redes sociais do grupo Facebook se depararam com uma mensagem “Erro 500” ou “Erro 5XX”. Conforme explicou o especialista, esse tipo de mensagem costuma indicar uma dificuldade do computador de se comunicar com o servidor do site ou aplicativo.

“Pode ter relação com DNS, toda a família de erro que começa com 500 (de 500 a 599) significa que houve um erro interno no servidor. Ou seja, com você usuário, seu navegador, seu smartphone, está tudo certo. O problema não é do seu lado. O problema é do outro lado do modem, do outro lado do nosso celular, que é o servidor”, esclareceu.

Veja também: [+] Iphones de diversos modelos com super desconto na Amazon.

CEO do Twitter publicou post debochando da empresa rival

Em meio à instabilidade das plataformas pertencentes ao grupo Facebook, os usuários recorreram a outras redes sociais para permanecerem conectados. O Telegram e o Twitter, por exemplo, ficaram entre as redes mais movimentadas nessa segunda.

Com o inesperado aumento no volume de acessos, o Telegram também enfrentou bugs. Além disso, o Tik Tok teve pequenos momentos de instabilidade.

Já o CEO do Twitter, Jack Dorsey, aproveitou o momento de crise da empresa rival para fazer piadas. Isso porque ao longo da tarde da última segunda, surgiram boatos de que o domínio do Facebook estaria à venda.

Inclusive, o site apareceu como disponível na plataforma DomainTools. Além disso, o domínio foi listado em uma plataforma da GoDaddy. Dorsey, então, publicou um post debochando do ocorrido: “Quanto custa?”, escreveu.

*Com informações do G1 e TecMundo*


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *