Empresa de mineração de criptomoedas e HPC adquire 223 mil GPUs AMD e Nvidia por R$ 1,2 bilhões. Saiba mais  - Programadores Brasil
Criptomoedas

Empresa de mineração de criptomoedas e HPC adquire 223 mil GPUs AMD e Nvidia por R$ 1,2 bilhões. Saiba mais 

2 Mins read

A Northern Data, líder em mineração de criptomoedas e computação de alto desempenho (HPC, na sigla em inglês), adquiriu 24 mil servidores EPYC junto com 223 mil GPUs AMD e Nvidia, pelo preço de 195 milhões de euros (R$ 1,2 bilhões) e outros 170 milhões de euros em ações (R$ 1,05 bilhões). Portanto, as novas GPUs e os servidores tornarão a infraestrutura da Northern Data mais poderosa do que o supercomputador mais rápido do mundo, o Fugaku.

 Veja também: Confira os 3 Melhores Cursos para Aprender Python

A Northern Data espera que a instalação completa dos sistemas de servidor GPU seja concluída até o terceiro trimestre de 2021, com servidores instalados em vários países, incluindo Noruega, Suécia, Holanda e Alemanha. No entanto, o hardware adicionado aumentará o poder de computação bruto da empresa em mais do dobro, passando de 1,29 exaflops de desempenho do FP32 para 2,6 exaflops.

Portanto, o principal objetivo da Northern Data é impulsionar suas operações de mineração de HPC e criptomoedas substancialmente com as novas placas gráficas e processadores EYPC. Mas, a empresa também está planejando estender a renderização, IA, aplicativos de blockchain e fluxos de trabalho de IoT para seus clientes.

Empresa de mineração de criptomoedas e HPC adquire 223 mil GPUs AMD e Nvidia por R$ 1,2 bilhões. (Imagem: Shutterstock)

 Veja também: Confira os 3 Melhores Cursos para Aprender Python

O que não fica claro é exatamente de que tipo de GPUs estamos falando. Ou seja, se essas placas gráficas de consumidor serão usadas para mineração de Ethereum e outros empreendimentos de criptomoedas ou se serão GPUs de data center projetadas especificamente para aplicativos de IA e HPC.

O que se sabe é que 223 mil GPUs são cerca de 100 vezes mais GPUs do que todo o Micro Center recebeu para o lançamento da Radeon RX 6600 XT. E esta foi apenas uma empresa de mineração vendendo parte de seu hardware. Com base no hashrate de rede Ethereum, seriam necessários cinco milhões de placas GeForce RTX 3090 para alimentar a rede; dez milhões de GPUs como RTX 3070 e RTX 3060 Ti ou RX 6800 / RX 6800 XT / RX 6900 XT ; ou 20 milhões de GPUs como o RX 6600 XT e o RX 580 8GB . Não é de se admirar que os preços da GPU permanecem inflados.

*Com informações Tom’s Hardware*


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continue Lendo

Carteira movimenta 616 Bitcoins comprados por US$ 13 há 9 anos e agora valem milhões de dólares. Entenda

Desvalorização do Bitcoin: entenda os fatores que podem estar influenciando a queda no valor da criptomoeda

Servidor público furta energia elétrica do trabalho para minerar Bitcoin em maquinários escondidos. Entenda o caso 

Mineradores de Chia Coin, criptomoeda “ecológica”, estão revendendo SSDs usados ​​como novos após queda de valor. Entenda

Atualização London foi responsável pelo descarte de US$ 300 milhões em ETHs. Entenda

Cibercriminosos devolvem US$ 610 milhões em criptomoedas roubadas de plataforma de finanças. Entenda o caso

Coinbase anuncia investimento de US$ 500 milhões em criptomoedas. Saiba mais

Grupo de hackers rouba mais de R$ 3 bilhões em criptomoedas, e torna-se o maior "assalto" da história no mercado de moedas digitais. Entenda

O que é uma CBDC? Saiba para que serve, como funciona e sobre o andamento da implementação da Central Bank Digital Currency nos países

Um milhão de plataformas de mineração de Bitcoin de empresa chinesa serão movidas para o Canadá nos próximos 24 meses. Entenda