Amazônia 1 passa por testes e satélite é aprovado para entrar em operação, anuncia AEB. Confira - Programadores Brasil
Ciência

Amazônia 1 passa por testes e satélite é aprovado para entrar em operação, anuncia AEB. Confira

2 Mins read

O satélite Amazônia 1 já está pronto para entrar em operação e distribuir para a sociedade imagens do Brasil e do mundo, conforme anunciado pela Agência Espacial Brasileira (AEB), no início desta semana. 

Amazônia 1 passa por testes e satélite é aprovado para entrar em operação, anunciou a AEB. (Imagem: Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações/Divulgação)

Portanto, após ter todos os sistemas e funcionalidades verificados e desempenho aprovado, o Amazônia 1 entra em fase operacional cumprindo um dos principais objetivos da Missão Espacial Brasileira. O Centro de Controle, baseado em São José dos Campos (SP), executou as operações das órbitas iniciais e da fase de comissionamento, liberando então o equipamento para começar as operações de rotina.

Veja também: [+] 4 Dicas de Como Escolher Os Melhores Cursos de Programação.

Segundo noticiou a agência espacial, a aprovação para o funcionamento do Amazônia 1 representa um importante marco para o Programa Espacial Brasileiro, que foi estabelecido há 41 anos. Portanto, com a validação do processo, lançamentos futuros que utilizarem a Plataforma Multimissão (PMM) serão beneficiados com menores investimentos.

Satélite Amazônia 1 integrado ao Lançador PSLV. (Imagem: Divulgação/AEB)

Amazônia 1 e o desmatamento amazônico

O projeto do satélite Amazônia 1 foi desenvolvido entre o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e a AEB. Além disso, este é o primeiro satélite de sensoriamento remoto com base na PMM. Inclusive, é o primeiro que foi projetado, produzido e testado totalmente no Brasil.

Veja também: [+] 4 Dicas de Como Escolher Os Melhores Cursos de Programação.

Em suma, uma das principais funções da Missão Amazônia 1 é captar e enviar imagens observadas e monitoradas sobre o desmatamento na região amazônica. Mas, o satélite também terá a responsabilidade de monitorar a agricultura em todo o território nacional, bem como as florestas naturais e cultivadas, os reservatórios de água e a região costeira. Portanto, a missão auxiliará na identificação de desastres ambientais do Brasil.

Todos os dados coletados pelo Amazônia 1 serão disponibilizados à comunidade científica, aos órgãos governamentais e a quem mais se interessar em compreender melhor o ambiente terrestre. As informações completas sobre o satélite brasileiro estão disponíveis no site da Agência Espacial Brasileira.


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continue Lendo

Dados registrados em smartwatch Fitbit são utilizados em pesquisa sobre sequelas provocadas pela Covid-19. Entenda

Cientistas criam máscaras faciais com biossensores que permitem detecção rápida e precisa de SARS-CoV-2, e de outros patógenos e toxinas. Saiba mais

Spaceship Neptune, balão de alta tecnologia da Space Perspective, levará passageiros à beirada do espaço. Conheça

Inteligência artificial usada em plataforma de telemedicina ajuda a diagnosticar pacientes com Covid-19 e reduzir sobrecarga do SUS. Entenda

Mayflower: Navio-robô é projetado para recriar jornada histórica de 400 anos atrás pelo Atlântico. Saiba mais

NASA quer deixar o espaço “mais acessível” e pretende fazer duas novas missões privadas à estação espacial. Saiba mais

Cientistas utilizam corpo humano como “carregador sem fio” para alimentar dispositivos vestíveis. Entenda

Brasil entra para grupo de países integrantes do acordo espacial da NASA Artemis, que levará homem de volta à Lua. Entenda!

Nasa anuncia fase científica da Missão Mars 2020; Agora o Perseverance parte para coletar amostras em busca de vida

Pesquisadoras brasileiras desenvolvem tecnologia para detecção da COVID-19 pelo celular. Confira