Bitcoin sofre sua maior queda do ano com perda de 50% do seu valor. Saiba mais - Programadores Brasil
Criptomoedas

Bitcoin sofre sua maior queda do ano com perda de 50% do seu valor. Saiba mais

2 Minutos de Leitura

O Bitcoin caiu 13% no último domingo (23), depois que a maior e mais conhecida criptomoeda do mundo sofreu outra queda que o deixou quase 50% abaixo da alta de 2021.

Era por volta de 15h (no horário de Brasília) quando a moeda digital caiu para US$ 32.601 (R$ 174 mil na conversão direta), perdendo então US$ 4.899,54 (cerca de R$ 26 mil) em relação ao fechamento anterior. No entanto, ele chegou a atingir uma alta no ano de US$ 64.895,22 (cerca de R$ 348 mil), em 14 de abril.

Bitcoin sofre sua maior queda do ano com perda de 50% do seu valor. (Imagem: REUTERS/Murad Sezer)

Veja também: [+] 4 Dicas de Como Escolher Os Melhores Cursos de Programação.

Em suma, os mercados de Bitcoin operam 24 horas por dia, 7 dias por semana, preparando o terreno para oscilações de preços em horas imprevisíveis. “Muitos apontam a volatilidade do Bitcoin como insustentável”, escreveu Amy Wu Silverman, da RBC Capital Markets, em nota. “Na verdade, o Bitcoin faz oscilações severas e estonteantes”.

No entanto, o Bitcoin começou a ficar sob pressão depois de uma série de tweets na última semana do presidente-executivo da Tesla e apoiador da criptomoeda, Elon Musk, quando disse que não aceitaria mais a moeda na compra dos seus carros elétricos.

Veja também: [+] 4 Dicas de Como Escolher Os Melhores Cursos de Programação.

Repressões da China à criptomoeda

Além disso, na última sexta-feira (21), a China também reprimiu a mineração e o comércio da maior criptomoeda do momento. Segundo o comunicado, isso faz parte dos esforços contínuos para prevenir mais riscos especulativos e financeiros.

Então, o Comitê de Estabilidade Financeira e Desenvolvimento da China, presidido pelo vice-premiê Liu He, destacou que o Bitcoin precisa de mais regulamentação para ser utilizado. Mas, vale lembrar que, apesar dos ataques ao mercado, o país será o primeiro a criar sua própria criptomoeda, o yuan digital, que deve ser lançada ainda em 2021.

Veja também: [+] 4 Dicas de Como Escolher Os Melhores Cursos de Programação.

No entanto, a declaração veio dias depois de três órgãos da indústria chinesa endurecerem a proibição de bancos e empresas de pagamento a fornecerem serviços relacionados à criptomoeda. Além disso, as medidas têm sido duramente tomadas pela China como parte do esforço do país para tentar acabar com a especulação e a fraude em moedas virtuais.

A última campanha da China contra a criptomoeda veio depois que o Departamento do Tesouro dos EUA  pediu novas regras que exigissem que grandes transferências de criptomoedas fossem relatadas à Receita Federal. Então, o Federal Reserve sinalizou os riscos que as criptomoedas representam para a estabilidade financeira.

Veja também: [+] 4 Dicas de Como Escolher Os Melhores Cursos de Programação.

Bitcoin deve se recuperar

Mas, mesmo com toda sua volatilidade, o bitcoin tende a recuperar-se gradativamente. Na última segunda-feira (24), por exemplo, o ativo atingiu US$ 37.648,60 (R$ 201.657,20), o que pode significar um leve suspiro em sua valorização.

“Nossa tendência é esperar alguma estabilidade na próxima semana, o que deve se traduzir em um novo pico”, disse o chefe de pesquisa da corretora Enigma Securities, Joseph Edwards.

*Com informações, Reuters*


Siga o Programadores Brasil no Google Notícias e Receba Notícias de Tecnologia -> CLIQUE AQUI e Confira.


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *