Britânia anuncia entrada no mercado de smart TVs e lança modelos focados em design e aplicativos de streaming. Confira - Programadores Brasil
Smart TVs

Britânia anuncia entrada no mercado de smart TVs e lança modelos focados em design e aplicativos de streaming. Confira

3 Mins read

A Britânia entrou no mercado de smart TVs e anunciou que já tem três modelos lançados no Brasil. A marca desenvolveu um sistema junto à Netflix, tem um design com bordas finas e seu principal foco é o entretenimento via streaming, colocando então a empresa em competição com mais um setor da tecnologia.

Veja também: [+] Compre sua Televisão com super desconto na Amazon. Ofertas imperdíveis!

Britânia anuncia entrada no mercado de smart TVs e lança modelos focados em design e aplicativos de streaming. (Imagem: Divulgação/Britânia)

Em suma, as três smart TVs da Britânia têm tamanhos de telas diferentes, cada uma com sua resolução. A de 32 polegadas, por exemplo, utiliza a resolução HD; já a de 42 polegadas conta com a Full HD; a de 55 polegadas, por sua vez, vem com imagem Ultra HD. 

No entanto, todas as smart TVs possuem os aplicativos de transmissão de conteúdos mais usados, atualmente, como Netflix, Globoplay, Amazon Prime Vídeo e Youtube, por exemplo. Além disso, elas oferecem tecnologia de espelhamento da tela ou transmissão de conteúdo do celular MediaCast. Outras conexões também podem ser integradas, como USB para plugar pendrives ou HDs externos.

Veja também: [+] Compre sua Televisão com super desconto na Amazon. Ofertas imperdíveis!

Segundo informações da companhia, divulgadas nesta terça-feira (20), os modelos lançados têm preços mais acessíveis. Então, algumas funcionalidades como a conexão Bluetooth, podem ficar de fora. Mas, em breve, a Britânia também planeja lançar smart TVs com sistema Android, além de outros recursos, focando em um público mais premium.

Especificações e recursos

Os painéis VA com tecnologia D-LED estão presentes nos três modelos da Britânia. Todas as smart TVs possuem taxa de atualização de 60 Hz e bordas finas, além de processador quad-core para trabalhar com sistema operacional e aplicativos, enquanto um segundo processador triple-core cuida das imagens e das respostas gráficas. Desse modo, a renderização das imagens é realizada em tempo real, com cores mais vivas e brilhantes. Já a versão de 55 polegadas 4K, a qualidade é HDR10.  

Veja também: [+] Compre sua Televisão com super desconto na Amazon. Ofertas imperdíveis!

O sistema de som Dolby Audio também está inserido em todas as opções, prometendo experiência de cinema na sua casa. A smart TV de 32 polegadas possui 2 entradas HDMI; a de 42 polegadas possui 3 entradas; a de 55 polegadas possui 4. E, além disso, todas oferecem espelhamento da imagem do celular ou transmissão de conteúdo via MidiaCast. O que facilita o compartilhamento do smartphone para a tela grande.

Como se trata de smart TVs, todas possuem navegador de acesso a sites e outros serviços de transmissão online que estejam disponíveis via web. Mas, é pelo controle remoto que o usuário acessa os principais aplicativos, que são: Netflix, Globoplay, Amazon Prime Video e YouTube.

Veja também: [+] Compre sua Televisão com super desconto na Amazon. Ofertas imperdíveis!

É importante lembrar que tanto os apps quanto o sistema operacional, sempre que receberem atualizações, o procedimento será realizado pela internet. O usuário receberá notificações na tela quando houver disponibilidade. Por fim, é possível conectar a internet na smart TV por cabo Ethernet ou por Wi-Fi.

Smart TVs à venda

A Britânia já está disponibilizando suas smart TVs para venda através de lojas online, como o Magazine Luiza, por exemplo. O preço sugerido pelo modelo de 32 polegadas HD está em torno de R$ 1.399. Já para o modelo de 42 polegadas Full HD está R$ 2.299. Por fim, a smart TV de 55 polegadas Ultra HD está saindo a R$ 3.499.

Veja também: [+] Compre sua Televisão com super desconto na Amazon. Ofertas imperdíveis!

Mas, por enquanto, a Britânia informou que as suas smart TVs estão sendo vendidas apenas em canais virtuais por causa da pandemia de Covid-19. Isso porque ainda há restrições na abertura de algumas lojas pelo país.


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *