Publicação na web vende base de dados do segundo grande vazamento de informações de brasileiros só em 2021, com 223 milhões de CPFs, e-mails e outros. Veja - Programadores Brasil
Segurança Digital

Publicação na web vende base de dados do segundo grande vazamento de informações de brasileiros só em 2021, com 223 milhões de CPFs, e-mails e outros. Veja

1 Mins read
Este é o segundo grande vazamento de dados com informações de milhares de brasileiros em menos de 2 meses. O programa Poupatempo de São Paulo é apontado como fonte da coleta. Entenda.

Não é Déjà vu. Um segundo grande vazamento envolvendo dados de milhões de brasileiros está realmente se repetindo em menos de 2 meses do primeiro incidente. Dessa vez, o Poupatempo seria a origem do escape de informações de mais de 223 milhões de pessoas. Assim como no vazamento anterior, o novo banco de dados contém CPFs, e-mails, telefones, endereços e datas de nascimento.


Um Cibercriminoso pôs as informações à venda na web por 0,3 Bitcoin, o que com a alta da criptomoeda significa cerca de R$ 94 mil reais. Apesar das negativas do órgão, o anunciante aponta o Poupatempo como fonte do grande vazamento de informções de 223.632.222 de brasileiros.

grande vazamento


A saber, o programa Poupatempo é uma inciativa do estado de São Paulo para ajudar cidadãos na emissão de documentos.


“A companhia adota rígidos controles e regras de acesso ao sistema de dados, que é monitorado 24 horas por dia em tempo real pelas equipes de TI. Em mais de cinco décadas, e de inúmeras tentativas diárias, nunca houve vazamento de dados na Prodesp”

comunicado da Prodesp, empresa responsável pela administração do Poupatempo.

Como não bastasse, o criminoso oferece sugestões de como empresas podem aproveitar as informações para contactar clientes de determinada região. Ele disponibiliza ainda uma “amostra grátis” com 10 milhões de dados do vazamento. Entretanto, de acordo com apurações da Folha de São Paulo, o conteúdo possui vários registros duplicados.

Veja também: [+] Pacote Full Stack para Iniciantes em Programação.


De forma geral, não há como comprovar a fonte do vazamento. Mas, vale ressaltar que a recente Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) obriga as empresas a avisar os titulares dos dados em eventuais vazamentos como esse, sob risco de multa de até R$ 50 milhões.


1 comentário

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *