Facebook libera uso de token físico de segurança que substitui apps e mensagens de autenticação em duas etapas para smartphones. Saiba como usar - Programadores Brasil
Facebook

Facebook libera uso de token físico de segurança que substitui apps e mensagens de autenticação em duas etapas para smartphones. Saiba como usar

2 Mins read

O Facebook anunciou mais uma medida de segurança esta semana. Agora, os usuários poderão usar token de acesso físico como alternativa para autenticação em duas etapas. Ou seja, com esta opção, o usuário do Android ou iOS deixa de depender de senhas enviadas por mensagem ou obtidas por aplicativos para usar chaves reais. Este é, portanto, mais um meio seguro da rede social para a liberação de acesso à plataforma.

Token físico de segurança para Facebook agora substitui apps e mensagens de autenticação em duas etapas em smartphones. (Imagem: Divulgação/Facebook)

Para quem é o token físico de acesso?

Veja também: [+] Os melhores Smartphones com super desconto na Amazon. Clique e confira.

O token nada mais é do que uma camada de segurança extra para contas consideradas mais críticas como, por exemplo, aquelas que pertencem a políticos, figuras públicas, ativistas e celebridades. Para esclarecer, com a chave de acesso físico, nem mesmo com chips clonados ou smartphone desbloqueado, daria acesso à terceiros ao perfil do Facebook. A rede social só libera através da conexão do token.

No entanto, o Facebook não indica nenhuma chave de segurança específica ou modelos. O item, portanto, deve ser comprado separadamente pelo usuário com o fornecedor de preferência. A orientação da rede social, de acordo com as melhores práticas de segurança, é que o acessório esteja sempre com o usuário. Isso porque a maioria das opções disponíveis são pequenas o suficiente para guardar em um chaveiro, por exemplo. 

Aprenda a fazer a autenticação em duas etapas com o token físico do Facebook. (Imagem: Divulgação/Facebook)

Veja também: [+] Iphones de diversos modelos com super desconto na Amazon.

Antes, o uso do dispositivo físico só estava disponível para acesso pelo computador. Mas, agora, o Facebook estende para usuários de smartphones também. Para se conectar ao aparelho é preciso ter uma entrada USB ou Lightning. Mas, ainda é possível usar métodos de conexão remota como Bluetooth ou NFC, de acordo com o modelo de celular do usuário.

Depois disso, basta seguir as configurações da conta, no aparelho, para configurar o acesso ao Facebook pela alternativa ainda mais segura à autenticação em duas etapas. No Brasil, o token físico custa cerca de R$450.


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *