SHAREit, aplicativo baixado mais de 1 bilhão de vezes no Android, apresenta falhas graves de segurança. Entenda - Programadores Brasil
Segurança Digital

SHAREit, aplicativo baixado mais de 1 bilhão de vezes no Android, apresenta falhas graves de segurança. Entenda

1 Mins read

Pesquisadores encontraram mais uma falha grave no SHAREit. Desta vez, o app com mais de 1 bilhão de downloads no Android, pode levar ao vazamento de dados dos usuários ou ainda permitir que invasores executem códigos maliciosos no smartphone da vítima. Pesquisadores da Trend Micro reportaram a descoberta há cerca de três meses para a desenvolvedora do app, a Softonic. Mas, até agora os responsáveis não corrigiram a falha perigosa.

Veja também: [+] Os melhores Smartphones com super desconto na Amazon. Clique e confira.

SHAREit, aplicativo baixado mais de 1 bilhão de vezes no Android, apresenta falhas graves de segurança. (Imagem: Divulgação/ Google)

Na publicação divulgada pela empresa de segurança, os pesquisadores Echo Duan e Jesse Chang descreveram uma série de vulnerabilidades no SHAREit e justificaram a denúncia ao público. “Decidimos divulgar nossa pesquisa três meses após relatar isso, já que muitos usuários podem ser afetados por este ataque. Isso porque o invasor pode roubar dados confidenciais e fazer qualquer coisa com a permissão dos aplicativos”, explicaram.

No entanto, esta não é a primeira vez que descobriram uma falha com esta gravidade. Em dezembro de 2017, por exemplo, pesquisadores também descobriram que poderiam driblar o mecanismo de autenticação do app, facilmente, antes de transferir um arquivo. Com isso, se tornaria fácil extrair o conteúdo do aparelho da vítima sem sua autorização. Apesar da gravidade, só corrigiram a falha após três meses, ou seja, em março de 2018.

Veja também: [+] Smartphones da ASUS a partir de R$900,00 na Amazon.

O SHAREit é um aplicativo para a troca de arquivos entre aparelhos celulares. O app para Android já tem mais de 1 bilhão de downloads no Google Play. Segundo os pesquisadores, o Google também recebeu o comunicado, mas até o momento não se pronunciou sobre o caso.


Dificuldade para Aprender a Programar ?
Receba Livros, Cursos grátis, Artigos e Vídeo Aulas DE PROGRAMAÇÃO diariamente para você se aperfeiçoar na Programação.
E-mail:
Nome: