Mark Zuckerberg acusa Apple prejudicar diretamente o Facebook para promover seus próprios serviços. Entenda. - Programadores Brasil
Facebook

Mark Zuckerberg acusa Apple prejudicar diretamente o Facebook para promover seus próprios serviços. Entenda.

2 Mins read
Em teleconferência na última Quarta-feira (27), Mark Zuckerberg acusa Apple de prejudicar a concorrência, mirando em atingir principalmente o Facebook, para promover os seus próprios serviços. Entenda.
Em uma teleconferência na última Quinta-feira (27), Mark Zuckerberg acusa Apple de prejudicar o Facebook em provimento de seus próprios serviços.

Em uma teleconferência na última Quarta-feira (27), Mark Zuckerberg acusa Apple de prejudicar o Facebook em provimento de seus próprios serviços.

A saber, o motivo do pronunciamento é que as mudanças da política de privacidade do IOS 14 continuam gerando contenda entre o gigante das redes sociais e a Maçã.

As novas regras de privacidade do IOS barram o monitoramento de usuários por aplicativos sem seu consentimento. Mas, o posicionamento do Facebook enquanto a medida é de que ela possa prejudicar principalmente pequenas empresas.

Agora, no entanto, o cofundador do Facebook foi além e disse ontem que a ação da Apple foi direcionada para atacar a sua companhia. Além disso, Mark Zuckerberg acusa Apple de usar da sua posição para promover seus próprios serviços como o iMensage, concorrente direto do Messenger e Whatsapp.

Veja também: [+] Compre seu iPhone 11 Pro com super desconto na Amazon.

Lembrando que a Apple já responde a acusações de pequenas empresas sobre usar seu poderio para mitigar o crescimento dessas. Esse é o caso da Prepear, cujo logotipo, uma Pera, foi alvo de processo pela Maçã.

Pronunciamento de Mark Zuckerberg na íntegra

“O WhatsApp, e a direção que estamos tomando com o Messenger, são os melhores aplicativos sociais privados disponíveis. Temos muitos concorrentes que fazem alegações sobre privacidade que muitas vezes são enganosas.

A Apple lançou recentemente os chamados “rótulos nutricionais”, que se concentram principalmente nos metadados que os aplicativos coletam em vez da privacidade e da segurança das mensagens reais das pessoas. Mas o iMessage armazena backups não-criptografados de suas mensagens por padrão, a menos que você desative o iCloud. Portanto, a Apple e os governos têm a capacidade de acessar as mensagens da maioria das pessoas. Então quando se trata do que mais importa, proteger as mensagens das pessoas, acho que o WhatsApp é claramente superior.

Desde que eu tento usar esses eventos financeiros para discutir aspectos da estratégia de negócios que considero importantes para os investidores entenderem, quero destacar que vemos cada vez mais a Apple como um de nossos maiores concorrentes. O iMessage é um elemento-chave do seu ecossistema. Ele vem pré-instalado em todos os iPhones e eles o dão preferência com APIs e permissões privadas, e é por isso que o iMessage é o serviço de mensagens mais usado nos Estados Unidos.

Também estamos vendo os negócios da Apple dependerem cada vez mais de ganhar participação em aplicativos e serviços contra nós e outros desenvolvedores. Portanto, a Apple tem todos os motivos para usar da sua posição dominante na plataforma para interferir no modo como nossos e outros aplicativos funcionam, o que eles fazem regularmente para dar preferência aos seus próprios.

E isso impacta no crescimento de milhões de empresas em todo o mundo, inclusive com as mudanças [de privacidade] do iOS 14, muitas pequenas empresas não serão mais capazes de alcançar seus clientes com anúncios direcionados.

Veja também: [+] Compre seu iPhone 11 Pro com super desconto na Amazon.

A Apple pode dizer que está fazendo isso para ajudar as pessoas, mas os movimentos rastreiam claramente seus interesses competitivos. E eu acho que essa dinâmica é importante para as pessoas entenderem por que nós e outros enfrentaremos isso em um futuro próximo. Nossos serviços de mensagens continuam crescendo, mas é uma batalha difícil, e nossos serviços precisam ser muito melhores como plataformas sociais privadas para ter sucesso.”


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *