Política

Jair Bolsonaro afirma que ele decidirá sobre a Chegada do 5G no Brasil. Presidente admite conversas com os EUA. Entenda.

2 Minutos de Leitura
O presidente da República, Jair Bolsonaro, durante a solenidade de posse dos ministros da Justiça e Segurança Pública; e da Advocacia-Geral da União no Palácio do Planalto
Em transmissão ao vivo, o presidente Jair Bolsonaro declarou que somente ele poderá decidir sobre a implementação da internet móvel 5G no Brasil.
Em transmissão ao vivo, o presidente Jair Bolsonaro declarou que somente ele poderá decidir sobre a implementação da internet móvel 5G no Brasil.

Nesta quinta-feira (3), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que somente ele poderá decidir sobre a implementação da internet móvel 5G no Brasil.

Ainda de acordo com ele, não vai ter “ninguém dando palpite”.

Veja também: [+] Os melhores Smartphones com super desconto na Amazon. Clique e confira.

5G no Brasil

Devido à pandemia, o leilão da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para as novas frequências de telecomunicações, onde vai “trafegar” o 5G, foi adiado para 2021.

Contudo, atualmente só existe um aparelho de celular habilitado para a frequência 5G no Brasil. Por conta disso, as operadoras fazem testes usando a própria frequência do 4G.

No entanto, durante uma transmissão nas redes sociais, Bolsonaro declarou: “Olha só, temos o negócio do 5G pela frente. Deixar bem claro, quem vai decidir o 5G sou eu. Não é terceiro, ninguém dando palpite por aí, não. Eu vou decidir o 5G”.

O anúncio foi feito durante uma transmissão ao vivo feita pelo presidente Jair Bolsonaro.
O anúncio foi feito durante uma transmissão ao vivo feita pelo presidente Jair Bolsonaro.

Entretanto, apesar da declaração, a definição dos parâmetros do leilão cabe à Anatel.

De acordo com a Lei Geral de Telecomunicações, a empresa possui “independência administrativa, ausência de subordinação hierárquica, mandato fixo e estabilidade de seus dirigentes e autonomia financeira”.

Contudo, existem muitos debates sobre a tecnologia 5G se tratando de segurança nacional, espionagem e privacidade de dados. Nestes casos, o tema cabe à inteligência do governo e à própria Presidência da República.

Ainda de acordo com o presidente, o mesmo conversa com autoridades do próprio governo e com “governos de outros países” sobre os prós e contras da internet móvel de quinta geração (5G): “Converso com o governo americano, converso com várias entidades, países, né, o que temos de pró e contra”, afirmou.

Veja também: [+] Os melhores Smartphones com super desconto na Amazon. Clique e confira.

Impasse mundial

A discussão sobre o 5G envolve disputas ideológicas, econômicas e de segurança nacional. O tema está no centro da guerra comercial entre Estados Unidos e China.

Apesar disso, a tecnologia 5G possibilita conexões cerca de 10 vezes mais rápidas que o 4G e é considerada fundamental para a automatização de casas, veículos e objetos de uso diário.

Atualmente, a empresa chinesa Huawei enfrenta restrições nos Estados Unidos e na Inglaterra em relação ao 5G. Isso ocorre porque a empresa é acusada de manter ligações com o Partido Comunista Chinês.

Entretanto, a Huawei nega envolvimento em qualquer tipo de espionagem, governamental ou privada.

Veja também: [+] Os melhores Smartphones com super desconto na Amazon. Clique e confira.

Em 2019, o presidente norte-americano Donald Trump, declarou emergência nacional visando proteger a internet dos Estados Unidos de “adversários estrangeiros”, sem citar a empresa chinesa.

Sobretudo, em março, a Huawei afirmou a jornalistas brasileiros, que não possui interesse em participar do leilão de frequências.

No entanto, o objetivo principal da empresa é na fase posterior, quando as operadoras que vencerem a concorrência precisarão de equipamentos para colocar o 5G em operação.

Contudo, a Anatel não tem poder para definir quais empresas poderão participar do leilão do 5G no Brasil.


Siga o Programadores Brasil no Google Notícias e Receba Notícias de Tecnologia -> CLIQUE AQUI e Confira.


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *