Pesquisador de Oxford prova Falha de Segurança em Internet via Satélite. Entenda como. -
Segurança Digital

Pesquisador de Oxford prova Falha de Segurança em Internet via Satélite conseguindo interceptar a comunicação entre eles. Entenda como.

2 Minutos de Leitura
James Pavur, estudante de doutorado em Oxford, declarou ter interceptado o sinal de 18 satélites, obtendo informações de usuários do serviço de internet via satélite. Saiba mais sobre a falha de segurança explorada.
Um doutorando de Oxford expôs uma falha de segurança em internet via satélite. Assim, sem grandes dificuldades, o Britânico pôde espionar informações de usuários do serviço.

Um doutorando de Oxford expôs uma falha de segurança em internet via satélite. Assim, sem grandes dificuldades, o Britânico pôde espionar informações de usuários do serviço.

Embora o serviço esteja em crescente, com a Amazon investindo 10 bilhões em internet via satélite nos EUA e SpaceX falando em projeto com mais de 40mil satélites, a falta de regulamentação de uma arquitetura de segurança cibernética ainda compromete a privacidade dos usuários.

Portanto, em mais uma demonstração da vulnerabilidade deste sistema, James Pavur conseguiu se infiltrar na transmissão de dados via satélite.

O estudante do Departamento de Ciência da Computação da Universidade de Oxford divulgou os resultados de sua pesquisa na conferência de segurança online DEF COM.

Veja também: [+] Compre seu Drone com Super Desconto na Amazon (clique aqui).

Informações acessadas através da falha de segurança em internet via satélite

Ao explorar a falha de segurança em internet via satélite Pavur obteve acesso a informações de usuários e empresas de vários países. Exemplo:

  • Aos e-mails enviados por um advogado na Espanha a seu cliente;
  • À redefinição de senha da rede de um iate na Grécia;
  • Ao login do sistema de uma turbina eólica na França, 
  • Às informações recebidas pelo piloto de um avião de passageiros chinês;
  • Ao nome e passaporte do engenheiro definido para consertar o defeito de um navio na Tunísia; 

Assim, no total Pavur interceptou informações de 18 satélites que cobriam áreas dos EUA à China. No entanto, o que aparenta ter sido um grande feito de uma grande mente, não deve ser considerado tão complexo assim. O que torna a situação ainda mais preocupante.

Isto porque James Pavur teria utilizado somente um sintonizador de placa PCIe / DVB-S e uma antena de TV – equipamentos que custam aproximadamente US$300- para realizar as interceptações.

Com os instrumentos nas mãos certas, bastou apontar a antena para os satélites e esperar pelo sinal no sintonizador. Simples e perigoso.

Veja também: [+] Compre seu Drone com Super Desconto na Amazon (clique aqui).

 “Ainda existem muitos serviços de internet via satélite operando hoje que são vulneráveis a esse tipo de ataque, mesmo que as falhas de segurança sejam de conhecimento público há mais de uma década”. 

Declarou James Pavur em sua apresentação na DEF COM.

Com informações: Sempreupdate e olhar digital


Siga o Programadores Brasil no Google Notícias e Receba Notícias de Tecnologia -> CLIQUE AQUI e Confira.


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *