Ciência

Cometa Neowise pode ser visto a olho nu no Brasil a partir desta semana

2 Minutos de Leitura
Cometa Neowise poderá ser visto a olho nu pelos brasileiros, a partir desta semana.
A passagem do Cometa Neowise no hemisfério norte encantou a população, que registrou belas imagens do evento celeste (Foto: JLucDauvergne)

Descoberto pela NASA em março, o Cometa Neowise poderá ser visto a olho nu pelos brasileiros, a partir desta semana.

Na segunda-feira, 20, apenas os moradores dos estados localizados ao norte do país, como Roraima e Amapá, conseguirão ver a passagem do cometa no início da noite. Já na quarta-feira, 22, o corpo celeste será visível de forma ainda mais nítida em São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo. Os sulistas ainda terão mais tempo para se organizar, pois conseguirão assistir a passagem do cometa por volta do dia 2.

Veja também: [+] Drones com super desconto na Amazon. Confira.

Cometa Neowise visto da Terra

De acordo com a Nasa, o Cometa Neowise vai atingir sua aproximação máxima da Terra em 23 de julho, quando ele estará a 103 milhões de quilômetros da superfície do planeta.

A passagem do cometa pela Terra é um evento raríssimo, que vai se repetir apenas daqui a 6,8 mil anos. Por isso, vale a pena estar preparado(a) para registrar o momento.

De acordo com o astrofísico e pesquisador André Zamorano, da USP (Universidade de São Paulo), esses fenômenos variam e são imprevisíveis, portanto boa condição climática, pouca iluminação artificial e atenção ao horário podem ajudar a tornar a experiência ainda melhor.

O Cometa Neowise aparecerá no Brasil logo após o pôr do sol, no sentido noroeste. Para quem mora em cidade grande, o cientista recomenda o uso de binóculos ou luneta.

Desta forma, será possível acompanhar o movimento de uma cabeça brilhante com cauda entre as estrelas do céu.

Em caso de tempo instável na sua cidade, não deixe de acompanhar os melhores registros da passagem do Cometa Neowise pelo Boletim Em Tempo.

Veja também: [+] Drones com super desconto na Amazon. Confira.

Por que conseguimos ver os cometas mesmo de tão longe?

Os cometas podem ser vistos graças ao Sol. Eles são formados por um núcleo de gelo e o calor do sol faz com que o material entre em estado de sublimação, o que o torna gasoso. O gás presente na superfície do corpo é o que dá o brilho, tornando possível ver sua passagem pelo céu. Quanto mais longe do Sol, menos visível fica.


Siga o Programadores Brasil no Google Notícias e Receba Notícias de Tecnologia -> CLIQUE AQUI e Confira.


Mais Lidas da Semana

Nasa avança em preparativos para missão tripulada que levará a primeira mulher e pessoa não branca à lua. Confira

NASA estende operações da Estação Espacial até 2030. Saiba mais

Observatório Gemini: Brasil renova acordo internacional e garante acesso a telescópios até 2027

Nova missão da NASA com telescópio Webb pretende investigar a origem do universo. Veja

Nova missão da NASA é dedicada a estudar objetos misteriosos do espaço, como supernovas e buracos negros. Saiba mais

SpaceX garante mais três voos tripulados à estação espacial, em parceria com a NASA. Entenda

Projeto de realidade virtual (RV) é aplicado em pacientes de traumas e com sequelas da covid-19, em hospital público do Pará. Entenda

Após falha em banheiro, Astronautas da Space X precisarão usar fraldas em Missão Espacial. Entenda.

Mesmo com venda proibida pela Anvisa, consumo de cigarro eletrônico pode causar lesões sérias no pulmão. Entenda

Cientistas tentam descobrir se sinal de rádio vindo do centro da Via Láctea trata-se apenas de fenômeno desconhecido ou se é alguma civilização alienígena. Saiba mais

1 comentário

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *