Quarentena: Iniciativa cria "Portaria remota" para evitar contato físico
Ciência

Quarentena: Iniciativa cria “Portaria remota” para evitar contato físico

2 Minutos de Leitura
Quarentena: Iniciativa cria "Portaria remota" para evitar contato físico
Aplicativo auxilia na quarentena do Coronavírus.

Com a medida de afastamento social e quarentena para evitar propagação da pandemia do Coronavírus, áreas movimentadas e aglomeradas, como os condomínios, carecem de higienização reforçada e colaboração de todos para reduzir circulação.

No Brasil, 33% dos moradores residem em condomínios, locais onde há um fluxo intenso de pessoas e compartilhamento de áreas de uso comum e equipamentos.

Quarentena do Coronavírus

Depois de um mês da recomendação, a Organização Mundial da Saúde (OMS) continua reforçando as medidas de quarentena para se proteger do novo Coronavírus.

Para tanto, há residenciais que usam a tecnologia ao seu favor, como, por exemplo, deixando as liberações de entrada por conta de uma central 24 horas protegida e monitorada.

Minhaportaria.com

Entre os benefícios do modelo nessa pandemia, estão o uso de aplicativo exclusivo para o morador, assembleia remotas, a comunicação via web. No que se refere às medidas de segurança, Walter Uvo, especialista em tecnologia da MinhaPortaria.com, aponta que tentativas de golpe, como de agentes falsos de saúde, é naturalmente evitado.

“O serviço de portaria remota por si já evita essa ação, pois não há liberação sem a autorização de algum responsável. Caso haja chamado para um apartamento, deve ser confirmado com o morador, e caso seja para avaliação no prédio, confirmamos com o zelador ou o síndico do local”, afirma Uvo.

[+] Grupo da Unifesp desenvolve protocolo para impressão 3D de células cerebrais que auxiliará nas pesquisas relacionadas ao Coronavírus. Veja

­­­Para o resultado da quarentena na saúde coletiva, há demais ações que os condomínios podem adotar, como criar campanhas de conscientização. No caso dos colaboradores que atuam nos residenciais, os funcionários devem usar equipamentos de proteção individual.

No caso dos elevadores, a orientação é usá-los de forma consciente, a OMS recomendou que as famílias o utilizem sozinhas, como medida também para evitar maior intensificação do vírus.

Quanto tempo vai durar a Quarentena?

Três meses parece ser a duração média apontada pelos especialistas para a quarentena brasileira, por mais que sigamos, após, tendo de lidar ainda com episódios e com a possível volta do coronavírus.

A vida dita normal, porém, não retornará instantaneamente em nenhuma perspectiva: o vírus deve seguir circulando, salvo alguma alteração inesperada em seu próprio comportamento, por mais um ou dois anos – e o possível desenvolvimento de uma vacina deve levar entre 12 e 18 meses.

O cenário, portanto, é lento e gradual: infelizmente, isolados ou não, ainda falaremos do coronavírus por bastante tempo.

[+] Governo do Paraná anuncia que vai Produzir no Brasil vacina Russa contra Coronavírus. Saiba mais.


Fórum de Programação para Iniciantes - Tire Todas as suas Dúvidas

Começando Agora na Programação? Tire todas as suas dúvidas no PB Overflow, nosso Fórum de Programação para Iniciantes (CLIQUE AQUI)


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também

Últimas Notícias