Europol fecha mais de trinta mil sites piratas em operação conjunta - Programadores Brasil
Segurança Digital

Europol fecha mais de trinta mil sites piratas em operação conjunta

2 Minutos de Leitura
Europol
Europol fecha dezenas de milhares de sites de pirataria.
Foto: sicurezza.net

Uma operação da Europol coordenada de aplicação da lei global derrubou mais de 30.500 sites piratas e de distribuição de falsificações Internet a fora e prendeu três suspeitos.

Entre outras coisas, os domínios apreendidos ofereceram vários produtos falsificados, produtos e serviços pirateados como filmes e eletrônicos pirateados, transmissão ilegal de sinal de televisão, arquivos de música, softwares adulterados, produtos farmacêuticos falsos e outros produtos ilícitos.

No entanto, deve-se observar que os domínios da Web terminados não incluem nenhum dos principais nomes de sites abertamente piratas na Internet.

[+] Fique de olho: Procon-SP divulga orientações e lista de lojas online para evitar durante a Black Friday

Durante a investigação, policiais internacionais:

  • Encerraram um total de 30.506 domínios web;
  • Prenderam três suspeitos;
  • Apreenderam 26 mil peças de roupa e perfumes de luxo;
  • Apreenderam 363 litros de bebidas alcoólicas e
  • Apreenderam inúmeros itens de hardware.

Os funcionários também identificaram e imobilizaram mais de 150 mil euros (R$ 696.817,35  na conversão de hoje) em diversos bancos e plataformas digitais de pagamento.

Os domínios foram confiscados e as detenções foram realizadas como parte de um esforço antipirataria em curso, apelidado de ‘In Our Sites X’ (IOS X), lançado pela Europol em 2014 e executado com a ajuda dos Estados membros da União Europeia e outras autoridades internacionais.

“‘Nos nossos sites’ (IOS), lançado em 2014, é a continuação de uma operação global conjunta recorrente que aumentou significativamente a cada ano. 

A operação é o resultado da abordagem abrangente que a Europol segue com o objetivo de tornar a Internet um local mais seguro para os consumidores, fazendo com que mais países e parceiros do setor privado participem dessa operação e fornecendo referências”.

Europol, em seu comunicado à imprensa.

A operação foi apoiada por 18 estados membros da UE, incluindo Albânia, Bélgica, Bósnia e Herzegovina, Colômbia, Croácia, Dinamarca, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Holanda, Noruega, Portugal, Sérvia, Espanha, Suécia, Suíça, Reino Unido, assim como Hong Kong, China, Estados Unidos e Europa Oriental.

[+] Hacker invade Telegram de Sérgio Moro para criar grupo e compartilhar conteúdos pornográficos. Saiba mais

No ano passado, a iniciativa In Our Sites resultou no encerramento de mais de um milhão de domínios de sites violadores de direitos autorais que foram encontrados vendendo peças para carros falsificadas, componentes elétricos, itens de higiene e cuidado pessoais e outros produtos falsificados.


Siga o Programadores Brasil no Google Notícias e Receba Notícias de Tecnologia -> CLIQUE AQUI e Confira.


Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *